Rinite Gestacional – Sintomas, causas e tratamento


Foto divulgação: Depositphotos (Royalty free)

Para muitas mulheres, o momento da gravidez é a concretização de um sonho. Portanto, todo cuidado com a saúde da mãe e do bebê são essenciais para uma boa gestação.


É natural que haja o aumento fisiológico das concentrações de cortisol, progesterona, estradiol e testosterona, observado durante o terceiro trimestre, que alteram o corpo e o sistema imunológico, predispondo à ocorrência de algumas infecções leves.


Cerca de 20% das mulheres desenvolvem alergias durante a gravidez, sendo as mais comuns a rinite, asma e dermatite atópica.


Continue lendo este post para entender os principais sintomas, causas e escolha de um bom otorrinolaringologista para o tratamento da rinite em mulheres grávidas!


Quais são os principais sintomas?


Entupimento nasal que resulta em dificuldade para dormir, coceira do nariz, olhos, ouvidos e garganta, espirros e coriza abundante. Os olhos às vezes ficam avermelhados e lacrimejando. Nos primeiros dias, confunde-se com gripe ou resfriado.


A doença pode ser um fator de risco para asma e surgimento de sinusite.


O que causa a rinite?


Quando respiramos pelo nariz, filtramos impurezas e o aparelho respiratório absorve partículas inaladas além do ar, que podem ser consideradas “estranhas” no organismo de um indivíduo alérgico.


Essas substâncias se chamam alérgenos e neste caso, o sistema imunológico reage de forma intensa, quase exagerada, na tentativa de defesa do corpo humano.

Orientações:


A Dra. Manuela Dowsley, otorrinolaringologista da clínica OtorrinoDF, ressalta os perigos da automedicação durante algumas crises:


“Descongestionantes nasais são vasoconstritores que aliviam temporariamente a respiração, por isso viciam e a longo prazo, tornam-se nocivos à saúde do bebê.”


E complementa:


“O ideal é tratar a rinite fazendo lavagens nasais com soro fisiológico (solução salina a 0,9%) diversas vezes ao dia, mantendo o canal respiratório sempre hidratado.”


Elevar a cabeça com travesseiros extras na hora de dormir, beber bastante água e tomar banhos quentes para que o vapor ajude a alivar o entupimento nasal, são outras formas naturais de melhorar o incômodo.


Tratamento:


Caso o problema persista, procure uma orientação mais específica. Em último caso, pode surgir a necessidade de tomar antibióticos ou anti-histamínicos e aplicar spray nasal à base de corticoide, próprio para mulheres grávidas.


Segundo a Revista Científica Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento, o tratamento também consiste no controle ambiental rigoroso, evitando-se a exposição aos agentes específicos tais como: ácaros da poeira domiciliar, fungos, pólen, antígenos de animais domésticos e baratas. Além dos irritantes da mucosa nasal.


Por que fazer acompanhamento no otorrino?


O médico obstetra é especializado nos cuidados da gestação e reprodução humana. Ele realiza partos e está preparado para dar toda a assistência às mulheres, desde o momento da gravidez, até o pós-parto.


O otorrino é o médico responsável pelo diagnóstico e tratamento das doenças da cabeça e pescoço. Pouquíssimas especialidades tratam de tantos órgãos como essa, por isso a importância do cuidado especializado.


A busca por um profissional da área garante um desenvolvimento saudável, atuando não só no diagnóstico e tratamento de doenças, como também, prevenindo-as.


Se nossas informações foram úteis para você, também podem ajudar outras pessoas.

Compartilhe o texto em suas redes sociais!


A clínica OtorrinoDF dispõe de equipe e estrutura, também voltadas para gestantes. Vale a pena conhecer!


E veja o vídeo gravado pela Manuela Dowsley, em nosso Canal YouTube - Entenda Mais.


Agende a avaliação daqueles que você ama!

Mais de 60 planos de saúde e convênio.


Consulta e exames no mesmo dia e local, com preferencia absoluta aos idosos. Afinal, agora é nossa hora de retribuir tantos anos de dedicação.


(61) 3542-2803 / (61) 9.9604-2803

Auto Agendamento e Chat no Site.

1,083 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo