Conheça as 6 principais causas de tontura

Atualizado: 22 de Nov de 2018


Você já teve a incômoda sensação de ver o mundo girando? Já experimentou enjoos repentinos e visão turva? Sentiu que estava perdendo o equilíbrio? Teve aquela sensação confusa como se as coisas perto de você estivessem flutuando e você perdesse os sentidos? Se você respondeu sim a algumas dessas perguntas, você certamente já sofreu com tontura em algum momento na vida. 


A tontura é o segundo sintoma mais comum nos consultórios de clínica geral, perdendo apenas para a dor de cabeça. Por conta disso, neste texto, vamos falar um pouco sobre as principais causas de tontura, por que ela surge e quais sintomas a acompanham. Se você ficou interessado, continue a leitura e confira!


Definição de tontura


A tontura pode ser definida como a ilusão de movimento, em relação ao ambiente ao nosso redor ou em relação a nós mesmos. Pode ser descrita como sensação de mareio, desequilíbrio, vertigem, instabilidade, sensação de desmaio iminente… Na verdade, é um sintoma de que algo está funcionando inadequadamente no corpo, e não uma doença específica. Pode ser um sintoma em comum de várias doenças diferentes e pode ocorrer em diferentes faixas etárias.


Nosso equilíbrio depende do funcionamento harmonioso entre visão, labirintos e propriocepção – propriocepção representa os estímulos que recebemos de nosso tato e nossos músculos, e sinalizam para o cérebro sinais do corpo: em qual posição está nossa perna, onde nosso braço tocou… Se algum desses sentidos anda mal, se as conexões entre eles estão com algum problema ou até mesmo se o sangue que chega a algum dos órgãos está deficiente, teremos um caso de tontura. 


Sintomas associados à tontura


A tontura pode vir acompanhada de outros sintomas, dependendo da sua causa. Veja só:

  • náuseas;

  • zumbido;

  • sensibilidade à luz ou ao barulho;

  • escurecimento da visão;

  • quedas.


O diagnóstico da tontura


É necessária uma verdadeira investigação para diagnosticar qual tipo e causa de tontura o paciente está sentindo. Um mesmo paciente pode ter mais de um diagnóstico! Inicialmente, é importante fazer uma consulta médica, na qual se fará uma entrevista pesquisando fatores relacionados à tontura, como duração da crise, horário de aparecimento, sintomas associados, relação com movimentação, entre outros. Os exames solicitados posteriormente dependerão da hipótese diagnóstica suspeita e podem variar desde exames laboratoriais até exames mais específicos como a Vectoeletronistagmografia (VENG) e a Posturografia Dinâmica Computorizada (PDC). A Otorrino DF é a única em Brasília a fazer este tipo de exame.


As principais causas da tontura


Na maioria das vezes, os pacientes acometidos por tontura não têm causas consideradas graves e podem ser resolvidas com tratamento específico, a depender da causa. As principais causas são:


1. Alterações no labirinto

Labirinto é um órgão que faz parte da orelha interna e leva ao cérebro sinais relacionados ao equilíbrio. O termo “labirintite” diz respeito à inflamação que afeta o labirinto. Ao contrário do que muita gente pensa, NEM TODA TONTURA É LABIRINTITE! Labirintite é um tipo específico de tontura (pouco comum, diga-se de passagem) que geralmente ocorre após uma inflamação de ouvido. O paciente apresenta uma tontura súbita, intensa e incapacitante, mas com tratamento apropriado consegue ter uma boa recuperação. 


Há várias doenças que acometem o labirinto e causam tontura: VPPB (vertigem postural paroxística benigna), doença de Ménière, migrânea vestibular e neurite vestibular, entre várias outras. É importante consultar o otorrinolaringologista para fazer o diagnóstico correto.


2. Alterações circulatórias


Sentiu tontura ao ficar muito tempo em pé? Pode ser hipotensão postural: a pressão cai e o sangue não consegue ser bombeado para o cérebro de forma eficiente. Assim, causa a sensação de visão escurecida e pode levar até ao desmaio. Outras alterações circulatórias, como arritmias, também podem causar tonturas.


3. Doenças neurológicas


A tontura também pode ser sinal de doenças neurológicas, como tumores, AVE (acidente vascular encefálico), malformações desde o nascimento ou doenças degenerativas. Se descoberto esse tipo de causa na fase inicial, as chances de recuperação são maiores.


4. Alterações no metabolismo


Alterações no metabolismo, como anemia, alterações na glicose sanguínea e até mesmo alterações hormonais podem afetar o funcionamento geral do corpo e favorecer quadros de tontura, afinal, tudo está interligado!


5. Deficiências visuais


A tontura pode ser causada por questões relacionadas à visão. Esses problemas podem ser solucionados com a visita ao oftalmologista e possivelmente com o uso de lentes ou cirurgias corretivas.


6. Alterações psicológicas


Ansiedade, depressão e até síndrome do pânico podem ser causa de tontura, ou simplesmente agravar alguma tontura preexistente.


Por isso, é extremamente necessário tratar os transtornos psicológicos de forma séria, com sessões de psicoterapia ou até mesmo com medicamentos ansiolíticos, prescritos por um psiquiatra. Isso trará muito uma melhor qualidade de vida.


Quando a tontura passa a ser preocupante


A tontura é preocupante quando atrapalha as atividades diárias, prejudicando o trabalho, o sono, as atividade físicas, as atividades sociais, ou quando passa a ser recorrente.  Nesses casos, é importante procurar seu médico para avaliação.


A importância da avaliação médica


O otorrinolaringologista, médico especialista em doenças do nariz, boca, faringe, laringe e pescoço, é o mais indicado para avaliar os casos iniciais de tontura. De preferência, deve-se procurar um otorrinolaringologista com especialização em Otoneurologia, profissional que tem formação aprofundada no estudo das tonturas e do zumbido. Dessa forma, se você apresenta sintomas de tontura, marque uma consulta com um profissional habilitado.


Na maioria das vezes, os quadros de tontura desaparecem quando a causa é identificada e tratada adequadamente. Alguns casos se tornam crônicos quando os sintomas persistem, geralmente porque a causa não foi identificada.


Diante de tudo o que foi exposto, podemos concluir que a tontura pode ser causada por numerosos fatores. Pode ser apenas um sintoma corriqueiro e que não gera maiores preocupações. Porém, se ela persistir por muito tempo, deve ser investigada. Afinal, é muito importante cuidar da saúde, tanto física quanto mental.


Achou este artigo sobre as causas de tontura útil? Então curta nossa página no Facebook e fique por dentro dos próximos assuntos e novidades!! Lá postamos várias dicas para você manter uma vida saudável e mais equilibrada!


Agende sua consulta na Otorrino DF e avalie sua tontura !

0 visualização

 ASA SUL 

Endereço:

709/909. Centro Médico Julio Adnet - SEPS SEP Sul, Sia Lt A - Clínica 2, Subsolo - CEP: 70390-095

Navegue Até Nós

#maps_padrão_1.png
waze_02.png
Uber_100x100.png

 ASA NORTE 

Endereço:

Ed. Cléo Octávio - Em frente HRAN. Setor Médico Hospitalar Norte - CEP: 70710-100

Navegue Até Nós

#maps_padrão_1.png
waze_02.png
Uber_100x100.png

 TAGUATINGA 

Endereço:

Ed. Pátio Capital QS 3. - Pistão Sul. / Térreo
CEP: 71953-000

Navegue Até Nós

#maps_padrão_1.png
waze_02.png
Uber_100x100.png

Sobre a Otorrino DF

Consultas médicas, exames e cirurgias para pacientes com necessidades relacionadas ao ouvido, nariz e garganta.
Será um prazer receber você aqui em nossa clínica! 

Nossos Médicos

Os profissionais da clínica Otorrino DF buscam atualizações constantes em suas especialidades visando oferecer atendimento personalizado e humanizado a seus pacientes.

  • Instagram - Otorrino DF
  • YouTube - Otorrino DF
  • LinkedIn - Otorrino DF
  • Facebook - Otorrino DF
  • Twitter OtorrinoDF
bg otorrino pediatra df emergencia criança otorrinolaringologia asa sul asa norte brasilia distrito federal lago sul lago norte urgente ouvido nariz garganta adulto
nariz otorrino pediatra df emergencia criança otorrinolaringologia asa sul asa norte brasilia distrito federal lago sul lago norte urgente ouvido nariz garganta adulto
Clínica Otorrino DF © Todos os direitos Reservados