Confira aqui 6 dicas para melhorar a dicção

Atualizado: 10 de Out de 2018


Falar em público pode ser assustador para diversas pessoas, algumas por serem tímidas, outras por falta de oratória ou por apresentarem problemas na dicção.


Nesse contexto, a dicção é um fator extremamente importante para estabelecer a comunicação, sobretudo diante de situações mais complexas como plateias, discursos ou apresentações maiores. Isso porque uma comunicação clara e objetivo depende exclusivamente de uma boa capacidade de expressão oral.


Devido à importância da clareza nas palavras durante a troca de informações, apresentaremos, neste post, algumas dicas que ajudarão você a melhorar a dicção, destacando sua importância para a comunicação. Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto!


A importância da boa dicção para a comunicação


Ao contrário da linguagem que consiste no desenvolvimento cognitivo da fala, a dicção está relacionada ao lado mecânico. É o modo como se pronúncia os sons das palavras, sílabas e letras.


Muito mais que realizar um bom discurso, ter uma boa dicção ajuda a melhorar a oratória, bem como desenvolver segurança e autoconfiança. Melhorá-la requer força de vontade, dedicação e disciplina.

É evidente, portanto, que uma dicção perfeita deixará o seu discurso claro e facilitará o caminho em direção ao seu objetivo. É importante ressaltar que essa é uma das habilidades mais desejadas no mercado de trabalho, pois sem uma comunicação eficiente, dificilmente você passará segurança.


Nas relações interpessoais e no ambiente dos negócios, o desempenho da fala é imprescindível. No entanto, quando algumas falhas são percebidas, o ideal é buscar o aperfeiçoamento por meio de técnicas fonoaudiólogas diárias que trabalham a respiração e o aquecimento dos músculos, com o objetivo de fortalecer e aprimorar a sonoridade da voz.


6 dicas para melhorar a dicção


Sem dúvida, um bom discurso está pautado, sobretudo, no vocabulário de modo geral. Ter as palavras certas para se expressar, com linguagem culta e vocabulário vasto são fatores que deixam qualquer fala aprazível.


No entanto, quanto mais clara for a pronúncia das palavras, mais facilmente as pessoas entenderão as informações repassadas e você terá mais credibilidade. Para isso, alguns exercícios são necessários nessa hora. Separamos para você 6 dicas valiosas para melhorar a dicção. Confira a seguir!


1. Escolha um ritmo adequado para a fala


O ritmo é um aspecto importante para definir sua melhor dicção. É necessário que seu discurso seja claro, bem articulado e relaxado, de modo que os espectadores entrem no mesmo ritmo. Quanto mais tranquilidade e clareza na sua voz, mais fácil das palavras saírem perfeitamente.


Mantenha-se concentrado na forma de pronunciar cada sílaba, e aos poucos conseguirá se comunicar melhor e com mais objetividade.


2. Ouça a voz gravada


O principal instrumento para manter uma boa comunicação é a voz — ela é essencial quando a intenção é persuadir, vender ou apresentar um produto ou ideia. Por isso, o exercício de gravar a voz ajudará você a definir os pontos que precisam ser melhorados, os que mais tem dificuldade em pronunciar e os termos que ficam menos objetivos.


Você pode testar com a leitura de um texto aleatório, com ritmos, efeitos e emoções diferentes. Quanto mais repetir a experiência, mais conhecimento terá da sua dicção e dos pontos a serem melhorados, como a rouquidão, por exemplo.


3. Realize movimentos faciais


Alguns vícios de pronúncia, quando realizados de forma incorreta, podem comprometer a qualidade da dicção, entre eles os movimentos faciais. Esses exercícios trabalham a articulação dos músculos bucais e auxiliam no pronunciamento mais claro das palavras e na tonificação da musculatura.


O exercício pode ser feito com movimentos forçados e exagerados no músculo do rosto, para alongar a musculatura facial. Repita por mais ou menos meia hora e você notará que sua boca estará mais móvel e a dicção mais fluída.


4. Pratique exercícios de oratória diariamente


A repetição de exercícios permite o trabalho da musculatura da boca, maxilar e ainda ajuda na articulação da língua, ajudando a treinar a pronúncia perfeita das sílabas e palavras.


O trava línguas — brincadeira clássica e cheias de consoantes fortes e repetidas que você tem que repetir cada vez mais rápido — é uma ótima opção para melhorar a dicção. Lembre-se: determinação e força de vontade são essenciais nesse momento!


5. Treine exercícios de respiração


A respiração tem influência direta no desempenho e na qualidade da dicção. Não adianta você treinar a pronúncia perfeita e manter a respiração no ritmo e nas vias erradas.


O primeiro passo é observar a sua respiração: o correto é que haja um controle correto dela pelo diafragma. Inspire e expire profundamente, de moda a inflar a região do diafragma, e repita o exercício frequentemente.


Outra atividade muito eficaz é a nasalização, realizada da seguinte maneira: apoie o polegar e o indicador sobre o nariz, sem pressionar as narinas com força e imite o zumbido de uma abelha com a boca fechada, por mais ou menos um minuto.


Faça pequenas pausas de trinta segundos para respirar e repita o exercício cerca de três vezes. Essa atividade ajudará a relaxar a voz, por meio da vibração do nariz e da boca.


6. Mantenha a calma


Muitas vezes, o nervosismo é o grande responsável por estragar um discurso. É perceptível quando alguém está nessa situação, pois passa a falar mais rápido que o de costume. Todavia, essa reação só mostrará sua insegurança e falta de preparo. Por isso, mantenha-se calmo, fale pausadamente e seja firme. Aponte seus argumentos de maneira convincente.


Por fim, essas técnicas de comunicação verbal possibilitam maiores chances de obter comunicação clara e se expressar ao público. Portanto, se você precisa exercitar sua dicção, aproveite nossas dicas e coloque em prática seu discurso. Aos poucos a sua pronúncia ficará mais clara, eficiente e agradável!


Cabe ressaltar que, se você tiver conhecimento aprofundado sobre diversos assuntos, consequentemente terá mais facilidade com as palavras também. Se necessário, procure orientação específica de um profissional, que foque em suas necessidades. Alguns treinamentos de oratória e comunicação ajudam bastante neste processo.


Gostou das nossas 6 dicas para melhorar a dicção? Então acesse a nossa página do Facebook e não se esqueça de deixar a sua curtida. Vamos lá!


Agende uma avaliação com um especialista na OtorrinoDF, 3542-2803!

39 visualizações

 ASA SUL 

Endereço:

709/909. Centro Médico Julio Adnet - SEPS SEP Sul, Sia Lt A - Clínica 2, Subsolo - CEP: 70390-095

Navegue Até Nós

#maps_padrão_1.png
waze_02.png
Uber_100x100.png

 ASA NORTE 

Endereço:

Ed. Cléo Octávio - Em frente HRAN. Setor Médico Hospitalar Norte - CEP: 70710-100

Navegue Até Nós

#maps_padrão_1.png
waze_02.png
Uber_100x100.png

 TAGUATINGA 

Endereço:

Ed. Pátio Capital QS 3. - Pistão Sul. / Térreo
CEP: 71953-000

Navegue Até Nós

#maps_padrão_1.png
waze_02.png
Uber_100x100.png

Sobre a Otorrino DF

Consultas médicas, exames e cirurgias para pacientes com necessidades relacionadas ao ouvido, nariz e garganta.
Será um prazer receber você aqui em nossa clínica! 

Nossos Médicos

Os profissionais da clínica Otorrino DF buscam atualizações constantes em suas especialidades visando oferecer atendimento personalizado e humanizado a seus pacientes.

  • Instagram - Otorrino DF
  • YouTube - Otorrino DF
  • LinkedIn - Otorrino DF
  • Facebook - Otorrino DF
  • Twitter OtorrinoDF
bg otorrino pediatra df emergencia criança otorrinolaringologia asa sul asa norte brasilia distrito federal lago sul lago norte urgente ouvido nariz garganta adulto
nariz otorrino pediatra df emergencia criança otorrinolaringologia asa sul asa norte brasilia distrito federal lago sul lago norte urgente ouvido nariz garganta adulto
Clínica Otorrino DF © Todos os direitos Reservados