A rinite alérgica



Muito comum na população, a rinite alérgica pode ser causada por diversos fatores, como poeira, pólen e alguns alimentos. Cerca de 10% a 25% das pessoas sofrem da alergia e precisam lidar com alguns sintomas que lembram um resfriado.


A reação alérgica é causada quando o nariz entra em contato com uma substância tóxica e o seu mecanismo de defesa desencadeia uma resposta para impedir que a substância entre em contato com os pulmões. Dessa forma, há a obstrução nasal que provoca o bloqueio da passagem do agente agressor e por meio de espirros e coriza, a toxina é eliminada.


É importante ressaltar que a alergia não é a falta de defesa do organismo, mas sim uma defesa exagerada. Assim, o sistema imunológico de pessoas alérgicas interpreta uma determinada substância como tóxica e entende que precisa proteger o organismo contra sua entrada.


Sintomas da rinite alérgica


Obstrução nasal, coriza, espirros, coceira no nariz, garganta e olhos. Normalmente os sintomas aparecem minutos após a pessoa entrar em contato com o alérgeno, mas eles podem aparecer cerda de 4 a 6 horas depois também.


Como tratar a rinite alérgica


Os pontos fundamentais para melhorar a rinite alérgica são a higiene pessoal e evitar o contato com as substâncias que desencadeiam os sintomas. O tratamento com medicamentos e vacinas antialérgicas também são possibilidade de tratamento.

152 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo