A cirurgia de otoplastia e seus benefícios

Atualizado: 1 de Fev de 2019




A famosa “orelha de abano”, em que a orelha fica proeminente ou mais aberta, pode ser corrigida por uma cirurgia simples, chamada otoplastia. O procedimento dura cerca de uma hora e meia e consiste em reajustar a orelha na sua posição e forma, deixando-a mais “colada” na cabeça e resgatando suas ondulações naturais, por meio de alguns pontos dados na cartilagem. Em crianças, geralmente é utilizada a anestesia geral.


Segundo a otorrinolaringologista Karine Carvalho, o procedimento pode ser realizado a partir dos 6 anos de idade. “Muitas crianças e os adolescentes sofrem com o bullying, o que leva à baixa autoestima. A correção da orelha de abano por meio da otoplastia melhora muito a qualidade de vida deles”, comenta.

As correções feitas são realizadas para minimizar deformidades e tentar corrigir assimetrias de forma, tamanho e angulação tanto em casos de orelhas mal formadas de nascença como em casos de deformidades causadas após algum traumatismo. É uma cirurgia que pode ser considerada reparadora por corrigir um defeito e ao mesmo tempo estética ao trazer maior harmonia para o rosto da pessoa.


Estima-se que a taxa de incidência de pessoas com orelha de abano varia entre 2% a 5% mundialmente. Mesmo não sendo uma quantidade excessiva, a deformidade pode afetar a autoestima e até mesmo a qualidade de vida do indivíduo devido à prática do bullying.



Benefícios estéticos e sociais


Dentre alguns resultados alcançados pela realização da otoplastia, estão: orelhas com tamanho proporcional ao rosto e posicionamento paralelo, orelhas proporcionais entre si, com aparência simétrica e até correção de lóbulos deformados por uso de brincos pesados ou alargadores. A otoplastia traz muito ganhos na parte psicológica por trabalhar diretamente com um problema relacionado à autoestima.



Contraindicações


É importante saber que, por mais simples que seja, há contraindicações para a cirurgia de otoplastia. Caso a pessoa esteja com algum tipo de infecção, seja ela uma gripe intensa, infecção urinária, de ouvido ou até amigdalite, a cirurgia não é uma boa opção no momento. Doenças mal controladas, como hipertensão e diabetes também devem ser analisadas antes de qualquer procedimento cirúrgico. Para pacientes tabagistas é recomendado que se pare de fumar por duas semanas antes e 30 dias após a operação, devido a riscos relacionados à cicatrização.





Fora isso, é uma cirurgia de rápida recuperação e com resultados muito satisfatórios. Se você tem orelhas de abano e se incomoda com a presença delas, pense na possibilidade de uma otoplastia e invista na sua felicidade!


Se nossas informações foram úteis para você, também podem ajudar outras pessoas. Compartilhe o texto em suas redes sociais!

Vale a pena conhecer!Agende a avaliação daqueles que você ama!

Mais de 60 planos de saúde e convênio.Consulta e exames no mesmo dia e local, com preferencia absoluta aos idosos. Afinal, agora é nossa hora de retribuir tantos anos de dedicação.


(61) 3542-2803 / (61) 9.9604-2803

Auto-Agendamento e Chat no Site.

983 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo