Cirurgias de ouvido

Colocação de “Carretel” ou tubo de ventilação 

O que é o “Carretel”?

Também chamado de dreno, ou tubo de ventilação, o carretel é uma pequena estrutura cilíndrica de silicone que é inserida cirurgicamente no tímpano. Permitindo a ventilação da orelha média.

Na maioria dos casos o carretel é espontaneamente expulso e pode ser removido nas consultas pós- operatórias de rotina. Quando não é expulso espontaneamente pelo corpo ou quando está causando infecções que não conseguem ser controlados com medicação, o tubo é removido cirurgicamente.

 

Indicação

Sua colocação é indicada principalmente para crianças e adultos que apresentam episódios recorrentes de otite - dor de ouvido ou otite média - acúmulo de secreção ou fluido na orelha média, que mesmo tratadas com antibióticos continuam se repetindo, podendo se tornar crônica e levar à perda auditiva.

 

Vantagens da colocação do “Carretel”

O tubo de ventilação remove o fluido e secreção, permitindo a ventilação normal da orelha e, consequentemente, restaurando a audição do paciente.

 

Como é a colocação do “Carretel”?

O cirurgião faz uma pequena incisão no tímpano para aspirar a secreção ou fluido da orelha média e colocar o tubo nesta região.

Apesar de ser uma cirurgia simples, a colocação do tubo precisa ser feita em centro cirúrgico, já que necessita de anestesia.

Timpanoplastia (cirurgia para "tímpano perfurado")

O que é a Timpanoplastia?

A timpanoplastia é a cirurgia indicada para tratamento de perfurações da membrana do tímpano. Essas perfurações costumam surgir como sequela de traumas decorrentes da pressão forte contra a membrana, como pancadas, ou de infecções no ouvido médio.

 

Quando a cirurgia é indicada?

A timpanoplastia é indicada nos casos de perfurações timpânicas que afetam a audição do paciente e que persistem mesmo com tratamentos médicos. Qualquer infecção, que esteja presente deve ser tratada antes da operação.

O que é a perfuração do tímpano?

Uma pessoa com o tímpano perfurado sente uma diminuição imediata da audição e uma dor muito incômoda. Zumbido e sangramento pelo canal auditivo são alguns dos sintomas da perfuração.

Nessas situações, a pessoa também fica impossibilitada de fazer atividades simples que envolvem a água, como banhos de piscina ou de praia, já que a água pode passar pela perfuração e causar infecções.

O médico otorrino também pode pedir exames, como a audiometria, para certificar a perfuração da membrana no paciente.

• Mastoidectomia ("raspagem" de ouvido)

A Mastoidectomia, mais conhecida como “raspagem” do ouvido, é um procedimento cirúrgico indicado para o tratamento de sequelas da otite média crônica.

A “raspagem” consiste na remoção de todo o tecido doente existente na mastoide - osso atrás do ouvido. Nesse mesmo procedimento pode ser feito o reparo da audição para o funcionamento normal do ouvido, que pode ter sido danificado após uma otite crônica.

Timpanomastoidectomia
(timpanoplastia + mastoidectomia)