Impedanciometria

Serve para avaliar a estrutura da orelha média (presença de secreções, mobilidade da membrana timpânica, funcionamento da tuba auditiva e o reflexo estapediano).

Como é feito: realizado em ambiente silencioso, com o paciente imóvel, sem que o mesmo necessite dar resposta a estímulos. É introduzida uma sonda no conduto auditivo externo do paciente, que emitirá sons intensos e breves.


Duração média: 10 minutos


Recomendações: o paciente não pode ter cerúmen ou secreção nos ouvidos, nem pode ter perfuração timpânica. Para crianças abaixo de 2 anos e pouco colaborativas, é recomendável que estejam dormindo.

impedanciomentria_otorrino_pediatra_df_e
impedanciomentria_exame_otorrino_pediatr

Impedanciometria

O que é impedanciometria?

A impedanciometria é um exame simples, indolor e que faz parte da avaliação básica da audição juntamente com a audiometria. É um exame que não traz qualquer tipo de desconforto para o paciente, e é de extrema importância para os diagnósticos nas perdas auditivas. Ele serve para verificar a integridade e mobilidade da membrana timpânica e dos pequenos ossos que são responsáveis por transmitir o som para o nervo auditivo. Além disso, com a impedanciometria, o profissional pode pesquisar reflexos auditivos.

Como é realizado o exame?

A impedanciometria é realizada por um fonoaudiólogo habilitado. Em um dos ouvidos do paciente é colocado um fone e, no outro, uma pequena sonda emborrachada. O paciente sente um pouco de pressão no ouvido e escuta alguns apitos. A partir das percepções, o profissional responsável pelo exame obtém o laudo diagnóstico.

Por que realizar o exame?

A impedanciometria é indicada para qualquer faixa etária em casos de suspeitas de perdas auditivas, acompanhamento de perdas auditivas já diagnosticadas, otites médias serosas crônicas e disfunções tubárias.